No ar

Programação indisponível
  • WHATS

Campanha da Fraternidade 2018

Campanha da  Fraternidade 2018

Todos os anos, a CNBB realiza e organiza a Campanha da Fraternidade, se iniciando no período da quaresma, e se estendendo ao longo do ano, trabalhando sempre um tema relevante a sociedade, objetivando sempre a solidariedade.

Este ano, os bispos do Brasil, apresentaram um tema muito importante: Fraternidade e superação da violência, tendo como lema “Em Cristo somos todos irmãos” (Mt 23,8)

Segundo o texto-base de reflexão da campanha: “o tema pretende considerar que a violência nunca constitui uma resposta justa. A Igreja Católica proclama, com a convicção de sua fé em Cristo e com a consciência de sua missão, que a violência é um mal, que a violência é inaceitável como solução para os problemas, que a violência não é digna do homem. A violência é mentira que se opõe à verdade de nossa fé, à verdade de nossa humanidade. A violência destrói o que ambiciona defender: a dignidade, a vida, a liberdade dos seres humanos”.

O Objetivo Geral da campanha da Fraternidade 2018 é: “Constituir a fraternidade, promovendo a cultura da paz, da reconciliação e da justiça, à luz da Palavra de Deus, como caminho de superação da violência”. Há também nesta Campanha sete Objetivos Específicos: a) Anunciar a Boa-Nova da fraternidade e da paz, estimulando ações concretas que expressem a conversão e a reconciliação no espírito quaresmal; b) Analisar as múltiplas formas de violência, especialmente as provocadas pelo tráfico de drogas considerando suas causas e consequências na sociedade brasileira; c) Identificar o alcance da violência, nas realidades urbana e rural de nosso país, propondo caminhos de superação, a partir do diálogo, da misericórdia e da justiça, em sintonia com o Ensino Social da Igreja; d) Valorizar a família e a escola como espaços de convivência fraterna, de educação para a paz e de testemunho do amor e do perdão; e) Identificar, acompanhar e reivindicar políticas públicas para superação da desigualdade social e da violência; f) Estimular as comunidades cristãs, pastorais, associações religiosas e movimentos eclesiais ao compromisso com ações que levem à superação da violência; g) Apoiar os centros de direitos humanos, comissões de justiça e paz, conselhos paritários de direitos e organizações da sociedade civil que trabalham para a superação da violência.

Com essa iniciativa, a CNBB planeja uma ampla discussão sobre a questão da violência que assola o Brasil, não significando que este tema teve menor importância dentro da Igreja, mas que este ano ele ganha um destaque maior devido ao período em que vivemos.

Que possamos superar todas as formas de violência em nossa sociedade, rumo a uma sociedade mais justa e fraterna. Paz e Bem!


Publicado por: Douglas Varela Data: 10/02/2018 09:07

Fotos




Principais Notícias

Publicado em 19/06/2018 15:06 por Douglas Varela

Ladrões furtaram 14 botijões de gás durante a madrugada em Linha Campinas

As ocorrências de furto de botijões de gás em aviários tem se tornado rotina na região. Na madrugada desta [...]

Publicado em 19/06/2018 14:53 por Douglas Varela

Câmara de Vereadores de Capinzal vota nesta noite o Projeto Pane Seca e discute a crise da avicultura

A Câmara de Vereadores de Capinzal fará na noite desta terça-feira, dia 19, a terceira sessão plenária do mês de [...]

Publicado em 19/06/2018 11:22 por Douglas Varela

Acadêmicos de Geologia realizam aula prática na Usina Hidrelétrica Machadinho

Os acadêmicos da 9º fase do curso de Geologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) de Porto Alegre [...]

Outras notícias

Publicado em 17/06/2018 08:58

LOCALIZADO o estudante de 14 anos que estava desaparecido em Capinzal

Foi localizado na manhã deste domingo, dia 17, próximo a SC 150, na saída [...]

Publicado em 17/06/2018 06:10

Estudante está desaparecido em Capinzal desde sábado ao meio dia

O estudante Edevandro Cardoso, de 14 anos, está desaparecido desde às 12h [...]

Publicado em 16/06/2018 09:27

SOMOS TODOS PALHAÇOS!

Você amigo leitor já se sentiu um palhaço nesta vida? Caso não tenha ainda [...]

Publicado em 16/06/2018 09:23

O NAMORO: TEMPO DE CONHECER E RECONHECER O OUTRO

O convite de hoje é pensar sobre o relacionamento de namoro: muitas pessoas o [...]

Publicado em 16/06/2018 08:56

BRINQUEDOS, BRINCADEIRAS e PASSA TEMPOS

7 (sete) – 70 (setenta) tem o intuito de mostrar, descrever e rememorar de [...]

Publicado em 16/06/2018 07:20

Idoso aciona a PM para atender ocorrência de perturbação do sossego alheio no centro de Capinzal

Uma festa domiciliar causou perturbação do sossego alheio no centro de [...]