No ar

Antônio Luiz

Família BRF

07:00 - 08:59 com Antônio Luiz

No ar - Família BRF Ouça ao vivo

  • Jogo AD AGN

Empresário encontrou o artesanato como grande aliado contra a depressão

Empresário encontrou o artesanato  como grande aliado contra a depressão

O empresário ourense Ervino Masson, de 53 anos, teve o artesanato como grande aliado no combate a depressão. Foram cerca de nove anos sofrendo com a doença até que certo dia assistiu uma reportagem a qual mostrava pessoas que conseguiram se livrar do problema com ajuda do artesanato.

Masson conta que a partir do momento em que ocupava seu tempo na realização de peças em madeira, especialmente na construção de mesas e bancos artesanais, percebeu que as crises depressivas diminuíam e o sentimento de bem estar se tornava cada vez mais presente em sua vida.

Hoje, já são 18 anos que associa as funções de empresário no setor supermercadista e artesão. Além de um hobby, o artesanato também garante uma segunda fonte de renda. Ao longo de quase duas décadas já produziu centenas de peças que foram comercializadas e rederam recursos que, entre outras situações, aplicou na construção de uma sede no centro do município. O local proporciona lazer a família e amigos.

O empresário explica que nem mesmo o cansaço de um longo dia de trabalho lhe impede de produzir suas peças. Aliás, é justamente o artesanato que costuma realizar logo após o expediente, ou, até mesmo, num intervalo, entre o final da manhã e começo da tarde, que faz a diferença no encerramento de mais um dia.

Como toda profissão, existem dias em que a carga de estresse é tão grande que a pessoa necessita de algo que ajude a descarregar esta energia negativa e, ao mesmo tempo, recarregá-la com sensações de bem estar e satisfação que servirão de escudo contra os pensamentos maléficos que muitas vezes surgem nestes momentos.

Muitas vezes para atender a demanda de pedidos e ao mesmo tempo levado pelo sentimento de bem estar, o empresário afirma que chegou a ficar por sete horas depois do expediente se dedicando na produção de novas peças. As ideias, segundo ele, surgem muitas vezes instantaneamente. “Primeiro faço as peças pra mim e, se me agradar, faço outras pra vender”, comentou Masson que diz ter feito ao longo de quase vinte anos mais de 400 mesas, sem contar com outros tipos de peças.

Há mais de uma década o empresário faz parte da Associação Tecendo Cidadania de Ouro (ATECO). Ele conta que a união do grupo e as sugestões feitas pelos membros fortalece ainda mais seu trabalho e ao mesmo tempo garante maior segurança para continuar fazendo o que mais gosta.


Publicado por: Douglas Varela Data: 20/01/2018 08:00



Principais Notícias

Publicado em 17/02/2018 09:14 por Douglas Varela

Armazém Sabor Natural reabre as portas sob nova direção

 Ocorreu na manhã de sábado (10) a reinauguração do Armazém Sabor Natural no centro de Capinzal. Localizado na [...]

Publicado em 17/02/2018 08:52 por Douglas Varela

Linha Leãozinho promoveu a festa em honra a Nossa Senhora de Lourdes

A comunidade de Linha Leãozinho, no interior de Ouro, promoveu durante o domingo, dia 11, a tradicional Festa na Gruta [...]

Publicado em 17/02/2018 08:49 por Douglas Varela

Festa de Santa Terezinha em Linha Gramado

  A comunidade de Linha Gramado, no interior de Capinzal, festejou a padroeira Santa Terezinha no último domingo, [...]

Outras notícias

Publicado em 17/02/2018 09:45

COMO A INTERNET DAS COISAS PODE DEIXAR A SUA CASA MAIS SEGURA

Uma das grandes apostas da indústria de tecnologia para um futuro próximo e [...]

Publicado em 17/02/2018 09:43

A GRATIDÃO!

Voltando de uma visita de um amigo que sofreu um Acidente Vascular Cerebral [...]

Publicado em 17/02/2018 09:38

CADA COMUNIDADE UMA NOVA VOCAÇÃO

A Igreja no Brasil, obediente ao ensinamento de Jesus: “Pedi ao Senhor da [...]

Publicado em 17/02/2018 09:11

Quanto custa o Legislativo municipal para o contribuinte?

Em todo orçamento municipal é destinado um percentual da receita [...]

Publicado em 16/02/2018 14:50

Promover a cultura da paz é o objetivo da Campanha da Fraternidade, afirma Dom Mário

O Bispo da Diocese de Joaçaba, Dom Frei Mário Marquez OFMCap, afirmou em [...]

Publicado em 16/02/2018 14:24

Claudir Duarte sugere estacionamento oblíquo na Rua Felipe Schmidt

O vereador Claudir Duarte apresentou indicação com quatro pedidos [...]