No ar

Nome do programa indisponível

Ouça ao vivo Ouça ao vivo

ESTÁ DE FÉRIAS? COMECE A ESCREVER UM LIVRO

ESTÁ DE FÉRIAS?  COMECE A ESCREVER UM LIVRO

Quem? Eu? Nem sei para o gasto, imagine escrever um livro.

Sim, sim, você! Não importa o tema nem a forma.

Tive a oportunidade de acompanhar o trabalho de escrita de uma pessoa por 10 anos, e ainda continuo. Segundo ela, programa-se para acordar todos os dias meia hora antes do que era habitual, para escrever o diário. E depois de algum tempo, passei a editá-lo. Resultado: seis livros publicados, palestras nas escolas. Teve até prefácio de aluna.

E Nelson Girardi, seu nome, continua a escrever. Diz não desejar fama. Nem faz parte das consideradas redes sociais. Não tem muitos amigos, diz que os conta nos dedos das mãos, e sobram dedos. Mas o que tem tanto para escrever? – você me questiona. Tudo o que ocorre no dia anterior e até o próximo diário. Aí você se intriga:

- É mulher?

- Não é. É um senhor adulto. Por que? Homem não escreve diário? Você que pensa.

Preparei para publicação também o livro de um economista, sobre taxas de juros. Ele havia passado por uma cirurgia do coração e, pensando que teria pouco tempo de vida, quis garantir sua contribuição sobre estudos que tinha realizado ao longo da vida, e tem argumentos sólidos, defendendo-os como voz clamando no deserto. J. C. Camargo deixou seu legado.

Foi uma peripécia preparar o livro de Olívio Felicin Tomasi, idoso convencido de ter olho mágico para as coisas da história passada e presente. E foi interessante trabalhar as páginas sobre a marcha de chineses até Curitiba, de Rubens Oliveira Fontoura. Mas o relato do encontro de Renato Bucenko com seu Mestre divino me comoveu.

Amo escrever. Aprendi a ler aos três anos e meio e lia a cartilha com a frase “que bom colega”, o que foi seguidamente recontada pelos meus pais, e o tio frei Ivo, porque eu lia “qui bum culega”. Escrevi biografias. Minha dissertação de mestrado sobre comunidade indígena virou livro, publicado pela imprensa oficial, após eleição unânime do conselho editorial.

Preparei o livro Folclore no Paraná, de Inami Custódio Pinto, e com Jorge Queiroz fiz pesquisa e publicamos o livro Município de Almirante Tamandaré-PR: uma história em constante construção.

Ah – você insiste – vocês estudaram, eu não. Sabe qual minha resposta?

– Você sim. Aliás, você já escreve nas redes sociais, não é mesmo? É só passar para seu arquivo pessoal. Sei de pessoas que, inclusive, montam livros em grupos de WhatsApp ou Facebook. No começo não tem cara de livro, mas com o andamento...

Sugiro escrever inserindo a história pessoal na história local ou no seu cotidiano de trabalho, passeios, etc. Teodoro Alves, por exemplo, leva caderneta consigo. Preparei seu livro de poesias. Esta diz: “No ônibus. Brisa gelada / manhã de inverno. Unhas longas pintadas / gelam meu coração / loira extrovertida / despertando paixão”.

Sua história é singular, você, obra do Grande Artista.

Enquanto você escreve, toca seu próprio coração, e ele flui vida!

Vamos nessa?

 


Publicado por: Douglas Varela Data: 24/01/2020 15:52



Principais Notícias

Publicado em 21/02/2020 20:48 por Marlo Matielo

Mulher de 31 anos foi conduzida ao Hospital após cair de moto na Vila Sete de Julho

Policiais e bombeiros militares atenderam um acidente de trânsito com vítima no começo da manhã desta sexta-feira, [...]

Publicado em 21/02/2020 07:19 por Jardel Martinazzo

PM registra furto de bolsa e celular no Loteamento Santa Maria

Na tarde desta quinta-feira (20) a Polícia Militar registrou furto em uma residência no Loteamento Santa Maria. A [...]

Publicado em 20/02/2020 15:00 por Jorge Soldi

Prefeitura realiza encontro com Grupos da Terceira Idade

A Prefeitura de Capinzal, através da Secretaria de Assistência Social realizou a primeira festa de [...]

Outras notícias

Publicado em 21/02/2020 18:52

Legislativo ourense fará ponto facultativo durante o Carnaval

A Câmara de Vereadores do município de Ouro fará ponto facultativo durante a [...]

Publicado em 21/02/2020 18:32

Meneghini cobra investimentos públicos para melhorar o armazenamento e a coleta do lixo na área urbana

O vereador Aldecir Meneghini apresentou indicação na última segunda-feira, [...]

Publicado em 19/02/2020 18:12

Comissões permanentes do Legislativo ourense tem nova composição

Os vereadores e vereadoras do município de Ouro aprovaram por unanimidade na [...]

Publicado em 19/02/2020 18:08

Cesar Prando cobra do Governo do Estado o pagamento das indenizações aos confrontantes com a SC 467

O vereador Cesar Prando solicitou na última segunda-feira, dia 17, durante a [...]

Publicado em 19/02/2020 16:47

Congresso técnico da Copa Capinzal de Futsal será nesta quarta-feira

Em março a bola vai rolar na Copa Capinzal de Futsal 2020. A competição, [...]

Publicado em 15/02/2020 11:30

Capinzal comemora 71 anos neste domingo com bolo e show do cantor Baitaca

Capinzal comemora 71 anos de emancipação político-administrativa na próxima [...]