No ar

Programação indisponível

Golpista clona celular do prefeito de Capinzal e tenta – sem sucesso – a transferência de recursos

Golpista clona celular do prefeito de Capinzal e tenta – sem sucesso – a transferência de recursos

Policiais civis da Divisão de Repressão a Crimes na Internet (DRCI/DEIC) de Florianópolis estão investigando casos em que prefeitos da região oeste tiveram o chip do telefone celular clonado. 

O prefeito Nilvo Dorini foi um dos que tiveram o celular clonado na tarde desta quinta-feira, dia 21. 

De acordo com as primeiras informações, uma pessoa não identificada utilizando o Whatsapp com o número e a foto do prefeito fez contato com o assessor e pediu que este transferisse a importância de R$ 500 mil da conta da Prefeitura e para uma conta particular.   

O assessor estranhou o pedido e afirmou que não faria qualquer tipo de transferência até por que esse expediente não se aplica em nenhuma situação envolvendo recursos públicos. 

A conversa se estendeu por mais de 40 minutos e o golpista chegou a insinuar que exoneraria o servidor caso o pedido não fosse atendido. 

O servidor não fez qualquer tipo de transferência e, orientado pela assessoria jurídica da Prefeitura, procurou a Delegacia de Polícia da Comarca de Capinzal onde registrou um boletim de ocorrência. 

Enquanto o golpista insistia pela transferência dos recursos, os demais assessores conseguiram contato com o prefeito que estava no interior de Capinzal e este afirmou que não havia feito qualquer contato ou pedido ao servidor. 

O boletim de ocorrência registrado na Delegacia de Polícia da Comarca de Capinzal foi encaminhado direto para a necessária invvestigação em Florianópolis.  

O Golpe 

De acordo com o titular da DRCI, Delegado Luiz Felipe Rosado, para que a clonagem ocorra é preciso que exista a participação de um funcionário da operadora. “Quando o chip é clonado o celular sai do ar, como se houvesse uma pane. 

O criminoso então passa a usar o watsapp como se fosse o proprietário porque todos os dados são recuperados, inclusive a foto de quem usava permanece a mesma”.  

A partir daí o criminoso começa a monitorar os grupos, as conversas, para ver qual contato é o mais acessível para pedir dinheiro.


Publicado por: Marlo Matielo Data: 21/06/2018 18:38

Fotos




Principais Notícias

Publicado em 18/02/2019 08:05 por Jardel Martinazzo

PM apreende arma de brinquedo após briga no bairro São Cristóvão

No começo da madrugada desta segunda-feira (18) a Polícia Militar foi acionada para se deslocar até um posto de [...]

Publicado em 18/02/2019 06:49 por Marlo Matielo

Câmara vota nesta noite o reajuste salarial para o funcionalismo público

A Câmara de Vereadores do município de Ouro promove a terceira sessão ordinária do mês de fevereiro na noite desta [...]

Publicado em 17/02/2019 20:59 por Marlo Matielo

Polícia Militar atende ocorrência de ameaça, tráfico de drogas e lesão corporal no Loteamento Maximiliano Toaldo

A Polícia Militar atendeu uma ocorrência de ameaça, tráfico de drogas e lesão corporal dolosa na tarde deste [...]

Outras notícias

Publicado em 17/02/2019 12:31

Jovens tem som apreendido após debocharem da PM nas redes sociais

Jovens tiveram o som dos veículos apreendidos no início da noite deste [...]

Publicado em 16/02/2019 08:00

Cada comunidade, uma nova Vocação

Todas as Dioceses dos estados de Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul, [...]

Publicado em 15/02/2019 18:08

Claudir Duarte propõe estudo de viabilidade para a instalação de sistema de lixeiras subterrâneas

O vereador Claudir Duarte apresentou duas indicações endereçadas à [...]

Publicado em 15/02/2019 17:38

Meneghini propõe reunião com lideranças do Núcleo Habitacional Vilson Pedro Kleinubing

O vereador Aldecir Meneghini apresentou indicação na última segunda-feira, [...]

Publicado em 15/02/2019 13:06

Liga Catarinense de Futsal confirma para Capinzal o Congresso Técnico dos estaduais da base e do feminino

A Liga Catarinense de Futsal (LCF) confirmou para o dia 09 de março a [...]

Publicado em 15/02/2019 10:27

PREFERE SER FELIZ OU TER RAZÃO?

Imagine-se em uma avenida movimentada. Você tem um jantar com amigos e sua [...]