No ar

Programação indisponível
  • WHATS

Júri condena jovens por tentativa de homicídio em Herval d´Oeste

Júri condena jovens por tentativa de homicídio em Herval d´Oeste

Paulo Sérgio Morais Pereira de Freitas, Jonas Antônio de Oliveira e Dionathan de Oliveira Cordeiro foram condenados nesta quinta-feira (28) por tentativa de homicídio qualificado.

O crime ocorreu em 11 de maio de 2017 na Rua Santos Dumont, centro de Herval d´Oeste. Conforme a denúncia do Ministério Público, naquele dia os denunciados desceram com um GM/Vectra pela Rua São Paulo, ocasião em que Paulo Sérgio efetuou três disparos para tentar matar seu desafeto, que estava no posto de combustível. No entanto, os tiros não acertaram o alvo, mas um dos disparos atingiu a perna esquerda de um frentista. Eles fugiram na sequência, mas foram identificados e presos pela Polícia Civil posteriormente.

A sessão do Tribunal do Júri, que foi realizada no auditório jurídico da Unoesc Joaçaba, se estendeu até às 19h. O Conselho de Sentença reconheceu, por maioria dos votos, a autorias dos crimes, negou absolvição, diminuição de penas e reconheceu a maioria das qualificadoras: motivo fútil, meio que possa resultar perigo e recurso que torne impossível a defesa da vítima.

Durante o julgamento, a promotora de justiça Caroline Maresch convenceu os jurados de que o crime foi premeditado e por motivo fútil, pois a intenção de Paulo Sérgio era concretizar as ameaças e matar o ex-namorado de sua companheira, após tomar conhecimento que ele teria retornado a cidade.

Para estabelecer as penas, o juiz Ildo Fabris Junior levou em consideração as circunstâncias do crime e a vida desregrada dos réus, que era voltada a atividades criminosas.

Paulo Sérgio Morais Pereira de Freitas teve a pena final fixada em 21 anos e oito meses de reclusão, em regime inicial fechado, pela tentativa de homicídio qualificado e também por porte de arma de uso restrito. Jonas Antônio de Oliveira foi condenado a 12 anos de reclusão em regime inicial fechado, e Dionathan de Oliveira Cordeiro a 13 anos e quatro meses de reclusão, também em regime inicial fechado.

O magistrado negou aos réus o direito de recorrer em liberdade e revogou as medidas cautelares fixadas a Dionathan e Jonas, decretando o restabelecimento da prisão preventiva deles, que estavam em liberdade.

“Ficou muito satisfatório para o Ministério Público, mas principalmente para a população, pois os jurados analisaram as provas e verificaram que o afastamento deles do convício social é necessário, pois apresentam periculosidade para a sociedade, e essas condutas não podem ser mais toleradas pela população”, avaliou a promotora Carolina Maresch, ao afirmar que as provas apontaram que alguns são integrantes da facção PGC (Primeiro Grupo Catarinense).

Para o advogado Uriel Augusto Canale, que defendeu Paulo Sérgio e Jonas Antônio, foi um julgamento complicado, com várias teses. Ele informou que pretende recorrer e até tentar anular o resultado do júri, pois foram atribuídas qualificadoras iguais a todos os acusados. “Infelizmente os jurados entenderam que todos cometeram o crime, mas Jonas nem se quer sabia dos planos de Paulo”, argumentou.

Álvaro Xavier, advogado de defesa de Dionathan, também contestou o resultado. “Vou recorrer, principalmente em relação as qualificadoras, que alterou as penas. Meu cliente foi condenado também por motivo fútil, mas não ficou provado que ele estava no veículo com os demais, disse. Os defensores negam também que os réus integram a facção criminosa. De acordo com eles, não houve provas, apenas a gravação de celular sobre a facção.

Fonte: Caco da Rosa


Publicado por: Jardel Martinazzo Data: 01/03/2019 07:19



Principais Notícias

Publicado em 21/03/2019 02:28 por Marlo Matielo

AD AGN Capinzal estreia com derrota na Copa Catarinense de Futsal

Seis jogos abriram a Copa Catarinense de Futsal na noite desta quarta-feira, dia 20. E a rodada foi recheada de gols. [...]

Publicado em 20/03/2019 16:35 por Douglas Varela

Prefeitura de Capinzal inicia a distribuição de sementes de aveia e azevem aos produtores de leite do município

A Administração Municipal de Capinzal, por meio da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, iniciou na manhã desta [...]

Publicado em 19/03/2019 22:01 por Jardel Martinazzo

Prefeitura de Capinzal lança mais uma chamada pública para contratação de médicos

A Prefeitura de Capinzal lançou mais uma chamada pública para contratação temporária de três médicos clínicos [...]

Outras notícias

Publicado em 20/03/2019 14:29

Meneghini reforça o pedido para a recuperação de passeios nas imediações da Ponte Irineu Bornhausen

O vereador Aldecir Meneghini sugeriu ao setor competente da Administração [...]

Publicado em 20/03/2019 13:34

Vereadores aprovam Moção de Aplauso à Ouroluz pela inauguração da nova loja

A vereadora Patricia Casagrande e os vereadores Evandro Neis e Ivanir Nardi [...]

Publicado em 20/03/2019 13:03

Prando propõe discussão do tema da Campanha da Fraternidade com representante da Paróquia São Paulo Apóstolo

A Câmara de Vereadores de Ouro aprovou por unanimidade na noite desta [...]

Publicado em 20/03/2019 09:24

AD AGN Capinzal estreia nesta quarta na Copa Catarinense

A Associação Desportiva AGN (AD AGN Capinzal) estreia nesta quarta-feira, dia [...]

Publicado em 17/03/2019 23:30

Agricultor de Ouro que sofreu acidente de trabalho continua internado em Joaçaba

Continua internado no Hospital Universitário Santa Terezinha (HUST) de [...]

Publicado em 16/03/2019 10:56

Sulcredi Ouro realizou assembleia de prestação de contas e adequações do Estatuto

A Cooperativa de Crédito Rural de Ouro (SULCREDI Ouro) realizou na noite de [...]