No ar

Marcio Pedro

Programa Marcio Pedro

17:00 - 17:59 com Marcio Pedro

No ar - Programa Marcio Pedro Ouça ao vivo

  • Jogo AD AGN

O MUNICÍPIO AVALIA OS SEUS SERVIDORES ESTÁVEIS?

A Constituição Federal estabeleceu que o servidor público estável deve sofrer processo de avaliação periódica de desempenho. Pelo ordenamento jurídico nacional, o servidor público cujo desempenho funcional é medíocre deve ser exonerado. A insuficiência de desempenho é motivo suficiente para o desligamento do servidor relapso e improdutivo. Porém, é assegurado ao avaliado o direito fundamental à ampla defesa, para, querendo, impugnar o resultado da avaliação (art. 41, §1º, inc. III).

Os critérios de avaliação de desempenho do servidor devem ser definidos por cada ente federativo mediante lei complementar. Este é o veículo legislativo adequado e pertinente para a definição dos critérios que serão utilizados para a efetivação da avaliação de desempenho dos servidores estáveis de cada ente contratante.

A regra constitucional impõe que os servidores de todos os entes da federação tenham o seu desempenho avaliado periodicamente. No plano normativo nacional não há espaço para a inércia e a mediocridade no serviço público. Há sim a exigência para que o serviço público seja marcado pela constante inovação e pelos ganhos de produtividade. Aqueles servidores improdutivos devem ser excluídos do serviço público. Os escassos recursos públicos arrecadados dos contribuintes não podem ser utilizados para a reprodução da improdutividade, da ineficiência e da mediocridade na Administração Pública.

Por isso, os entes federativos devem estabelecer um sistema eficaz de incentivos para os servidores aumentarem constantemente a produtividade. Os bônus por produtividade nas carreiras devem ser adotados para incentivar os servidores competentes, dedicados e eficientes. É fundamental valorizar cada vez mais a meritocracia no serviço público. O servidor precisa cumprir metas claras, objetivas e determinadas.

Agora uma pergunta merece resposta: o seu Município avalia os seus servidores estáveis? Há uma política clara de avaliação periódica de desempenho? Ou prevalece um jogo de cena corporativista em que tudo fica no “faz de conta”? É fundamental que seja devidamente investigado se o seu Município efetivamente avalia periodicamente de forma séria e responsável os seus servidores efetivos e estáveis. Se não realiza a referida avaliação, os órgãos de controle externo - MP, Câmara de Vereadores e Tribunais de Contas - deverão agir rapidamente para impor a obrigação de fazer aos gestores públicos. Os cidadãos que transferem parte da sua riqueza para o Município não podem continuar passivamente assistindo a continuidade de servidores públicos relapsos, inertes e improdutivos. É preciso ação enérgica e correta para melhorar cada vez mais os serviços públicos em todas as esferas da Administração Pública brasileira. E o grande começo chama-se avaliação periódica de desempenho.

 


Publicado por: Douglas Varela Data: 07/10/2017 11:28



Principais Notícias

Publicado em 21/02/2018 12:37 por Jardel Martinazzo

Mais de 100 botijões de gás furtados em menos de dois meses

Termina ano, começa ano e o número de furtos de botijões de gás continua causando prejuízos consideráveis a [...]

Publicado em 21/02/2018 09:16 por Jardel Martinazzo

Vereadores aprovam alteração de horário das sessões que serão transmitidas via rádio

A Câmara de Vereadores de Capinzal aprovou na noite desta terça-feira, dia 20, projeto de resolução que altera o [...]

Publicado em 21/02/2018 07:29 por Jardel Martinazzo

Homem é hospitalizado após sofrer queda em Zortéa

Na tarde desta terça-feira, dia 20, o Corpo de Bombeiros atendeu um homem que sofreu queda no município de Zortéa. [...]

Outras notícias

Publicado em 20/02/2018 07:02

Claudir Duarte propõe a retomada das tratativas sobre o Plano de Carreira do funcionalismo

O vereador Claudir Duarte propôs à Administração Municipal de Ouro a [...]

Publicado em 20/02/2018 07:00

Aprovado o requerimento da bancada da oposição para a convocação do Secretário de Agricultura e Meio Ambiente

Os vereadores Ivonei Antonio Dambros, Aldecir Meneghini e Elone Masson, que [...]

Publicado em 20/02/2018 07:00

Prando requer vinda do representante regional do ECAD para prestar esclarecimentos na Câmara

O vereador Cesar Prando apresentou na noite desta segunda-feira, dia 19, por [...]

Publicado em 20/02/2018 06:49

Polícia Civil derruba traficantes em nova operação em Joaçaba

Mais três traficantes de drogas foram presos, além de dois adolescentes [...]

Publicado em 17/02/2018 09:45

COMO A INTERNET DAS COISAS PODE DEIXAR A SUA CASA MAIS SEGURA

Uma das grandes apostas da indústria de tecnologia para um futuro próximo e [...]

Publicado em 17/02/2018 09:43

A GRATIDÃO!

Voltando de uma visita de um amigo que sofreu um Acidente Vascular Cerebral [...]